Recomeçar sempre é possível

Veja como criar um novo começo a qualquer momento do ano

Por Marcia Fervienza

Acontece todos os anos: no último dia de dezembro, viramos a página final no calendário e somos preenchidos pelo sentimento de esperança e oportunidade, pela determinação renovada de alcançar objetivos que vêm sendo deixados para depois durante muito tempo, pela vontade de recomeçar. De quebra, surgem alguns novos também. Mas os meses passam e a ambição vai desaparecendo lentamente.

Quando nos damos conta, estamos tão desmotivados quanto antes da virada do ano. A não ser que haja uma grande mudança, como um trabalho novo ou partir para outra cidade, provavelmente tudo ficará na mesma. Até que o ano comece novamente e o ciclo se repita. O “novo eu” da virada do ano e o “começar a dieta na segunda-feira” são muito mais hábitos e tradições do que comportamentos de base biológica e científica.

Porém, estudos confirmam que a ideia do “começar do zero” é poderosa no processo de abandonar velhos hábitos, uma vez que alterar a rotina e as circunstâncias torna mais fácil colocar em prática mudanças. Cientistas do comportamento chamam isso de “o efeito do começar do zero” (tradução livre de “fresh start effect”).

Hoje, já há pesquisas que vão além ao mostrar que é possível colher os benefícios do recomeçar em outras épocas, que não a virada do ano ou em grandes mudanças na vida.

Como recomeçar?

De início, podemos fazer pequenas coisas para levar nosso cérebro a pensar que realmente estamos em um momento de recomeço. Aparentemente, é uma questão de estabelecer um mindset favorável à motivação para abandonar velhos hábitos e alcançar objetivos.

A premissa é a seguinte: nossos cérebros registram momentos significativos – o início de uma nova estação, um feriado ou aniversário – como um marco no tempo, o que pode inspirar comportamentos diferentes.

Marcos temporais interrompem o fluxo normal do cotidiano e levam a dar um passo atrás para pensar sobre a vida. Com o “ponto final” que geram em um fluxo, os marcos temporais permitem nos desassociarmos de fracassos passados. Isso leva a um sentimento de começar do zero, dá motivação e faz com que nos sintamos capazes e otimistas em relação ao futuro.

Já percebeu como algumas pessoas perdem peso quando se separam, enquanto outros engordam quando casam? Os eventos, ao se tornarem marcos no tempo, permitem a quem está casando ou separando uma distinção entre o eu anterior e o recente, o que leva à construção de uma nova identidade a partir do momento atual.

A questão, então, é: existem formas de criar momentos de recomeço, mesmo sem uma data especial ou mudanças significativas de rotina?

A seguir, algumas sugestões de como recomeçar a qualquer momento.

Destaque dias especiais em sua agenda

Nada de especial precisa estar acontecendo, mas determine algumas datas como marcos temporais, defina a razão que estes dias sejam importantes. Segundo estudos recentes, destacar datas pode aumentar a motivação para alcançar objetivos. Se você realmente estiver buscando por mudanças, busque datas na sua agenda que possam ser rotuladas (e sentidas) como recomeço.

Atenção, marcar uma data qualquer, como a terceira quinta-feira do mês, não será registrado pela sua mente como algo especial. Por outro lado, indicar “primeiro dia da primavera” pode te influenciar a começar a correr atrás de suas metas naquele dia. Qual a próxima data que poderia ser seu novo começo e motivar a começar algo do zero?

Agende descansos na sua rotina

Todo recomeço traz, naturalmente, mudança de hábitos e, de certa forma, um outro sentido de identidade, porque você está fisicamente afastado de rotinas antigas. Mesmo que a distância física seja temporária, pode ser suficiente para que se consiga a motivação da virada do ano. Por exemplo, o dia que retornamos de uma viagem costuma ser sentido de forma diferente.

Assim, pequenas interrupções na rotina, como uns dias sem trabalhar, um feriado ou mini férias, podem aumentar o comprometimento com os objetivos, por dar a oportunidade de começar de novo, sem necessidade de uma mudança permanente.

Crie pequenas mudanças

Alterações mínimas no cotidiano podem ter o mesmo efeito que a dica anterior. Exemplos: mude o visual com um corte de cabelo, reorganize os móveis, use um caminho diferente para ir ao trabalho. Uma ação simples como comprar uma roupa nova pode dar a sensação de que algo mudou e ser psicologicamente tão significativo em termos de marco temporal a ponto de trazer motivação para buscar mais.

Visualize seu futuro “eu”

Quando falamos de estabelecer objetivos, mentalizar quem seremos ao alcançar nossas metas ajuda muito. Estudos mostram que a simples visualização de um novo comportamento pode ajudar a eliminar hábitos. Outra ferramenta poderosa para mudança de comportamento é dizer seu objetivo em voz alta.

O racional por trás disso é que, se nada mudar externamente, a criação de uma imagem mental ajuda a orientar em direção ao novo “eu”. Trata-se de definir um mindset e seguir. E é isso que chamamos de começar do zero: encontrar um novo lugar mental em relação a você mesmo, ao seu meio, ao seu comportamento e aos seus hábitos.

+ Características, datas e muito mais: descubra tudo sobre signos.

+ Descubra gratuitamente qual é o seu signo ascendente.

+ Jogue o Tarot do Amor e descubra os aspectos positivos, melhores ações e um conselho final para a sua vida amorosa.

Marcia Fervienza

Astróloga há mais de 15 anos e psicóloga, atua como colaboradora em Astrologia para diversas revistas e possui trabalhos publicados em vários países. Oferece atendimentos astrológicos presenciais e virtuais.

[email protected]


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo