OMS classifica síndrome de burnout como doença

Por Metro Jornal

A OMS (Organização Mundial de Saúde) anunciou ontem que passou a incluir na CID-11 (Classificação Internacional de Doenças) o “burnout” – estado de esgotamento físico e mental causado pelo exercício de uma atividade profissional. A doença surge descrita como “uma síndrome resultante de ‘stress’ crônico no trabalho que não foi gerido com êxito”.

A CID estabelece uma linguagem comum que facilita o intercâmbio de informações entre os profissionais da área da saúde em todo o mundo. O “burnout” foi incluído no capítulo de “problemas associados” ao emprego ou ao desemprego e recebeu o código QD85.

A CID-11, publicada no ano passado, foi aprovada durante a 72ª Assembleia Mundial da OMS e entrará em vigor no dia 1º de janeiro de 2022. 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo