São Paulo tem surtos de toxoplasmose

Por Metro Jornal

A cidade de São Paulo teve três surtos de toxoplasmose desde março, segundo a Covisa (Coordenadoria de Vigilância em Saúde). A doença foi encontrada em bares e restaurantes.

Foram registrados 45 casos da doença por clientes de bares e restaurantes de bairros em diferentes regiões da capital. Os locais não foram revelados.

É considerado um surto quando há mais de dois casos da doença na região. A identificação ocorreu após denúncias de casos individuais na ouvidoria do SUS (Sistema Único de Saúde).

A Covisa passou a monitorar os casos da doença em março, quando recomendou a notificação de casos agudos.

A toxoplasmose é uma infecção causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, presente em fezes de gatos e outros felinos. Segundo o Ministério da Saúde, os sintomas normalmente são leves, similares à gripe, dengue e podem incluir dores musculares e alterações nos gânglios linfáticos.

As consequências mais sérias são registradas em bebês gestados por mulheres grávidas que contraem a doença, que podem desenvolver deficiência mental e cegueira.

Transmissão e prevenção

A toxoplasmose é transmitida pela ingestão de água e alimentos contaminados ou da mãe para o bebê durante a gestação.

Para prevenir, a recomendação é evitar carne de porco, cozinhar bem peixes e frutos do mar, não tomar leite não pasteurizado e lavar bem frutas e verduras.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo