Airbus anuncia fim da produção do maior avião de passageiros: Superjumbo A380

Por Wellington Botelho

A Airbus anunciou nesta quinta-feira (14) que deixará de construir seu jato superjumbo A380, de acordo com informações da agência NPR.

Tudo ocorre depois que a maior cliente do avião, a Emirates Airlines – com sede em Dubai, cortou o pedido em 39 aeronaves.

A380 REUTERS/Kai Pfaffenbach

A Airbus "não tem base para sustentar a produção, apesar de todos os nossos esforços de vendas com outras companhias aéreas nos últimos anos", disse o CEO Tom Enders.

Depois de investir bilhões de dólares no A380, a empresa esperava superar seu maior concorrente, o jato 747 da Boeing (que é um sucesso).

A fabricante se esforçou para vender o avião de 446 milhões de dólares que pode acomodar mais de 800 passageiros – o maior e mais caro avião de passageiros comercial já fabricado e o primeiro a ter dois decks completos.

A Airbus previu no lançamento que venderia 1.200 dos jatos superjumbo, no entanto, vendeu apenas 234 unidades. Ele também acrescentou: "O anúncio de hoje é doloroso". A Airbus informou que entregará seu A380 final para a Emirates em 2021.

a380 REUTERS/Kai Pfaffenbach
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo