Comer verduras verdes pode reduzir o risco de fígado gorduroso, diz pesquisa científica

Por Rodrigo Almeida

Comer mais vegetais de folhas verdes pode reduzir os riscos de desenvolver fígado gorduroso, segundo um estudo publicado nesta segunda-feira nas Atas da Academia Nacional de Ciências.

Pesquisadores do Instituto Karolinska na Suécia demonstraram que uma grande ingestão de nitrato inorgânico, um ingrediente que ocorre naturalmente em muitas verduras, poderia reduzir o acumulo de gordura no fígado.

A esteatose hepática, ou fígado gorduroso, é uma doença comum que afeta ao redor de 25 por cento da população mundial, mas até agora não se conhece um tratamento adequado.

Metodologia do estudo

Os cientistas complementaram o nitrato em uma dieta de ratos de laboratório rica gorduras e açúcares. Essas cobaias demonstraram uma proporção significativamente menor de gordura no fígado.

O pesquisadores também observaram uma redução da pressão arterial e um menor equilíbrio entre insulina e glicose em ratos com diabetes tipo 2.

Estudos anteriores haviam demonstrado que uma maior ingestão de frutas e verduras tem um efeito benéfico sobre a função cardiovascular e sobre a diabetes.

Segundo o professor do Departamento de Fisiologia e Farmacologia de Karolinska Mattias Carlstrom, há uma suspeita que essas doenças estejam conectadas por mecanismos similares.

O cientista diz que o próximo desafio é de inserir mais nitrato na dieta para que ele se transforme em óxido nítrico e entregue os efeitos desejados. O professor recomenda 200 gramas de folhas verdes por dia para atingir os resultados.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo