Projetor portátil permite assistir vídeos em alta definição em qualquer lugar

Por Metro Jornal

Serviços de vídeo por streaming são um sucesso de portabilidade: com um telefone celular é possível acompanhar a sua série favorita de quase qualquer lugar. Mas e se desse para assistir de qualquer lugar e ainda com a qualidade de cinema? Ainda não chegamos lá, mas o projetor Nebula Capsule é quase isso, sendo o primeiro projetor inteligente de bolso.

Leia mais:
Bolsonaro anuncia Almirante Bento Costa de Albuquerque como ministro de Minas e Energia
Casos de estupro crescem 5,2% na capital; furtos aumentam 4,4%

Para o criador, Ching Wang, “este produto representa uma interessante nova classe de aparelhos de entretenimento portáteis. E isso inclui o Nebula Mars, o primeiro aparelho de cinema e home theatre portátil. Nebula Capsule é o primeiro sistema portátil e inteligente do tipo e foi a maior arrecadação em campanha coletiva para sistemas de entretenimento doméstico.” Para isso, foi necessário que a Nebula combinasse um sistema inteligente com áudio e vídeo imersivos.

Os criadores afirmam que a motivação para desenvolver um aparelho assim começou com as críticas do setor aos aparelhos que já existiam: design esquisito, som ruim e duração da bateria que deixa a desejar. “Nós estávamos confiantes que conseguiríamos resolver esses problemas e começamos a partir daí”, diz Wang.

Nebula Capsule Divulgação

A Nebula Capsule consegue reunir bastante tecnologia em um aparelho do tamanho de uma lata de refrigerante. Em primeiro lugar, ele projeta uma imagem de até 2,5 m de diagonal com  um brilho de até 100 ANSI lumens. Rodando com o sistema operacional Android 7.1, ele é capaz de acessar aplicativos como o Netflix e YouTube. Além disso, o Capsule projeta vídeos por até 4 horas, e pode funcionar como caixa de som por até 30 horas. Por fim, ele não pesa mais do que 420 g, tornando-se uma opção extremamente portátil e leve de entretenimento doméstico.

É possível encontrá-lo no site americano da Amazon, com entrega para o Brasil.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo