5 alimentos que contêm melatonina e são importantes para regular o sono e tratar a insônia

Por Rodrigo Almeida

A privação do sono provoca graves transtornos a nosso organismo e rotina, como desregular a produção da melatonina. Cair no sono em qualquer lugar seja no metrô, no ônibus ou aquela soneca no horário de almoço podem ser sintomas de insônia, e se manifesta com maior impacto pela noite quando necessitamos descansar.

O estresse é um fator determinante para aqueles que passam por esses problemas, pois manter os níveis de cortisol altos faz o sono desaparecer. A doutora Margarita Botero informa que o corpo produz este hormônio frente a situações de tensão para nos ajudar a combatê-las, no entanto, se os níveis não caem até a hora de dormir vamos sofrer para dormir.

Para enfrentar a insônia, as pessoas devem aumentar o consumo de alimentos que contêm melatonina, o hormônio do sono. “Uma das principais funções é regular o ritmo circadiano sono-vigília, que é responsável por nos fazer pegar no sono quando estamos em ambientes escuros”. Explica a especialista em antienvelhecimento.

tomate Reprodução/ Pixabay

A doutora indica cinco alimentos que podem ajudar a regular o relógio biológico.

  • Banana: É rica em hidrato de carbono e fibras, e, por isso, favorece a sensação de saciedade. Possui muitos minerais como potássio e magnésio, que são indispensáveis para o relaxamento muscular. Segundo a doutora, ela é rica em triptofano um aminoácido precursor da melatonina.
  • Nozes: As nozes contêm 3,5 nanogramas de melatonina por cada grama, o que aumenta a presença do hormônio na corrente sanguínea.
  • Milho: Este cereal contém entre 60 e 150 microgramas de melatonina por cada 100 gramas. A doutora adiciona que outros cereais podem ajudar a melhorar o descanso, como o arroz e a aveia, pois contêm vitaminas do grupo B, importantes na transformação do triptofano em melatonina.
  • milho Reprodução/ Pixabay
  • Abacaxi: “Promove o equilíbrio nos níveis de serotonina e melatonina, duas substâncias importantes para que o corpo relaxe na hora de dormir”, diz a especialista.
  • Tomate: Riquíssimo em vitaminas A, C , E e K, que combinadas com o hormônio do sono, transforma o tomate em um alimento indispensável para qualquer dieta.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo