Mães de meninos têm mais chances de ter depressão pós-parto

Por Metro Jornal

Um novo estudo descobriu que mães de meninos têm até 79% mais chances de desenvolver depressão pós-parto. Após avaliar casos de 296 mulheres, as pesquisadoras Sarah Johns e Sarah Myers, da Escola de Antropologia e Conservação da Universidade de Kent, na Inglaterra, constataram também que mulheres com complicações no parto correm um risco ainda maior (174%) em comparação às que não tiveram problemas.

A explicação para isso é que muitos fatores de risco para sintomas depressivos estão associados à ativação de vias inflamatórias, uma resposta do sistema imunológico — o que pôde ser observado nesses dois casos.

mãe bebê depressão pós parto Image Source/Folhapress

Leia também:
7 sintomas de gravidez que quase ninguém sabe
Mãe de trigêmeos mostra os efeitos reais da maternidade

Outros fatores de risco

A medicina já entende que mulheres com tendência à depressão, ansiedade e estresse tivessem mais chances de desenvolver depressão pós-parto. Porém, o que as pesquisadoras puderam comprovar é que esse risco diminuía em casos de gestantes que tiveram complicações durante o parto.

Apesar de parecer controverso, isso pode ser explicado pelo maior apoio e preocupação da família e de pessoas próximas àquela mulher. Quando ela sente que suas preocupações estão sendo valorizadas e respeitadas, a tendência é que a doença não apareça.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo