Estudo comprova: casal que bebe junto permanece junto

Por Metro Jornal

Você já deve ter ouvido o ditado "casal que bebe junto permanece junto". Mas até então, não passava de um conselho dado por quem, justamente, queria curtir um pouquinho a bebedeira. Agora, cientistas resolveram colocar esta ideia à prova.

Pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, entrevistaram casais com idade superior a 50 anos. Mais de 4,8 mil participantes responderam sobre a frequência e a quantidade que bebem por semana. Assim, foi possível concluir que casamentos mais bem-sucedidos acontecem se ambos os parceiros consomem bebidas alcoólicas.

Leia também:
Tomar energético todo dia faz mal? Estudo americano cria alerta sobre a bebida

estudo foi publicado no site The Journals of Gerontology e também mostrou um outro ponto importante: se apenas um dos parceiros bebe, o casal é mais propenso a relatar sensação de insatisfação em seu casamento. A quantidade ingerida, segundo os cientistas, não interfere no relacionamento, desde que não seja excessiva.

Porém, é importante ressaltar que os mesmos efeitos são encontrados se nenhum dos parceiros bebe álcool. A ideia é que os casais encontrem um equilíbrio na relação — e isso com certeza vai muito além de quanto eles bebem.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo