Homem sofre problema de visão permanente após tomar Viagra em excesso

Por Metro Jornal

Após exagerar no Viagra, um americano de 31 anos descobriu um dos efeitos que uma overdose desse medicamento pode causar, da pior forma possível. Ele foi parar no hospital após perceber que estava vendo tudo como se fosse "através de um filtro vermelho". Sem doenças crônicas, os médicos descobriram ser um efeito colateral de uma alta dosagem da pílula azul.

Leia mais:
Abuso em criança deixa marca no DNA
Gatos não são tão eficientes no controle da população de ratos, aponta estudo

Os profissionais que trataram o paciente publicaram um estudo no periódico Retinal Cases, em que afirmam nunca ter sido registrado um caso semelhante. Após uma série de exames, eles chegaram à conclusão que o quadro era semelhante a uma distrofia dos cones da retina, que são as estruturas nos nossos olhos que reconhecem as cores.

Em tese, esse efeito deveria ter passado algumas horas. Só que após um ano, o paciente continuou vendo tudo avermelhado ainda. Os médicos entenderão, então, que o dano é irreversível. Por isso é importante ler e seguir as instruções da bula.

O que os médicos perceberam estudando o caso é que o alto consumo de citrato de sildenafila, fórmula química do Viagra, afeta o equilíbrio dos cones na retina humana. Como somos dotados de três tipos de cones – nos tornando capazes de perceber o vermelho, o verde e o azul -, o paciente em questão teve um deles seriamente afetado, resultando no tom avermelhado na visão do americano.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo