O que é disforia pós-sexo, a tristeza que toma algumas pessoas após o orgasmo

A relação sexual é, na maioria das vezes, uma experiência prazerosa; mas pode ser seguida por tristeza e irritabilidade em alguns casos.

Por BBC Brasil

As relações sexuais são seguidas, em geral, por uma sensação de relaxamento e bem-estar.

Mas, para muitas pessoas, nem sempre é assim.

Há quem seja tomado por um sentimento de tristeza, vergonha e ansiedade, sem qualquer motivo aparente, após atingir o orgasmo. É a chamada disforia pós-sexo, também conhecida como tristeza ou depressão pós-sexo.

Como o próprio nome sugere, é uma sensação oposta à euforia.

"É difícil medir, mas depois do sexo, sinto uma sensação forte de autodepreciação", conta um homem que participou recentemente de um estudo sobre o tema.

Em alguns casos, a pessoa pode ficar irritada e agir de forma abusiva fisicamente ou verbalmente, em vez de compartilhar um momento que supostamente deveria ser prazeroso com o parceiro.

102809460dis890124402-a8e026b0f377f8fd79f2fabee8312956.jpg

Sem distinção de gênero

Até hoje, a maioria dos estudos sobre disforia pós-sexo era focada no sexo feminino.

Pesquisas mostram que entre 33% e 46% das mulheres já passaram por isso pelo menos uma vez na vida, enquanto um percentual de 5% a 10% afirma ter apresentado os sintomas várias vezes durante o último mês.

Na verdade, existia uma crença de que a condição acometia apenas mulheres. Mas um estudo recente revelou que os homens também sofrem com os mesmos sintomas.

102809456gettyimages871292272-e1e2f550bce67fa85a886690a9a2a7d9.jpg

Psicólogos da Universidade de Tecnologia de Queensland, na Austrália, entrevistaram 1.208 homens de diferentes países.

O resultado mostrou que 41% já sofreram com condição pelo menos uma vez na vida, 20% vivenciaram a experiência no mês anterior e entre 3% e 4% sentem depressão pós-sexo regularmente.

"Tenho ataques de choro e crises depressivas após a relação sexual", diz um dos participantes.

"Fico muito envergonhado", desabafa outro.

Segundo os autores do estudo, a experiência dos homens logo após o sexo é "muito mais variada, complexa e com nuances do que se imaginava anteriormente".

Por que isso acontece?

Especialistas afirmam que há diversas causas, como também pode ser uma combinação de fatores.

102809458ge6171842-9be41d0c99af53663aa1cadc81b1d2db.jpg

A disforia pode estar relacionada a um processo hormonal na amígdala neural, estrutura do cérebro responsável por regular nossos sentimentos e emoções.

"Durante a relação sexual, a amígdala pode reduzir sua atividade e, depois do ato, é ativada novamente", diz à BBC News Mundo, o serviço em espanhol da BBC, o médico Fernando Rosero, especialista em saúde sexual.

Mas o transtorno também pode estar ligado ao estresse psicológico, outras disfunções sexuais ou fatores culturais.

"A disforia pode ser ainda produto de uma educação sexual muito opressiva, em que o sexo possa gerar questionamentos ou angústia para a pessoa", explica Rosero.

Seja qual for o caso, os especialistas recomendam que, ao apresentar qualquer sintoma, as pessoas procurem um médico, porque há diferentes tratamentos para a disforia pós-sexo.

"O sexo tem que ser uma relação de bem-estar e prazer", diz o especialista.

"Quando algo não permite que isso aconteça, é hora de consultar um médico."

©
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo