Paris Saint-Germain apoia Neymar em denúncia de racismo em campo

Por Metro Jornal

Expulso da partida entre seu Paris Saint-Germain e o Olympique de Marselha neste domingo (13), Neymar Jr recebeu apoio do clube nesta segunda-feira (14) depois de ter denunciado racismo em campo.

“O Paris Saint-Germain apóia fortemente Neymar Jr., que relatou ter sido submetido a abusos racistas por um jogador adversário. O Clube reafirma que não há lugar para o racismo na sociedade, no futebol ou nas nossas vidas e apela a todos para que se manifestem contra todas as formas de racismo em todo o mundo", diz o comunicado.
QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Na partida, o zagueiro do Olimpique, Álvaro González, teria chamado Neymar de "macaco", entre outras ofensas. Neymar reagiu dando um tapa na cabeça do espanhol. A agressão foi validada pelo VAR e o atacante brasileiro levou o cartão vermelho.

Nas redes sociais, Neymar se indignou com o caso enquanto González negou ter ofendido o adversário, postando uma foto com colegas negros de elenco.

Ele também disse que não se arrepende do lance.

Loading...
Revisa el siguiente artículo