Fórmula 1 confirma oito primeiras corridas da temporada 2020

Por Metro Jornal

A temporada 2020 da Fórmula 1 já tem data e local para começar. Depois do cancelamento de quatro etapas – Austrália, Holanda, Mônaco e França – por causa da pandemia do novo coronavírus, os organizadores da categoria anunciaram as oito primeiras provas do ano. O circuito Red Bull Ring, em Spielberg, Áustria, vai receber as duas corridas inaugurais da temporada, em 5 e 12 de julho, respectivamente.

O GP da Hungria acontece uma semana depois, no dia 19. Após um intervalo, será a vez de Silverstone receber duas provas consecutivas, em 2 e 9 de agosto, seguido pelo Grand Prix da Espanha, em Barcelona, uma semana depois, Bélgica, no dia 30, e Itália, em 6 de setembro. As categorias suporte F-2 e F-3 estarão presentes em todas as corridas.

“Nas últimas semanas estivemos trabalhando incansavelmente com todos os nossos parceiros, a FIA e as equipes, para criar um calendário revisado de 2020 que nos permita voltar a correr da maneira mais segura possível”, afirmou Chase Carey, presidente e CEO da Fórmula 1.

Ainda em razão da covid-19, todas as provas anunciadas serão realizadas com portões fechados. Por questões de segurança, as equipes também terão um número limitado de 80 funcionários trabalhando nos circuitos durante os fins de semana de corrida.

As etapas divulgadas pela organização correspondem à fase europeia da temporada. As datas das demais provas serão anunciadas de acordo com os desdobramentos da pandemia.

A ideia da Fórmula 1 é realizar entre 15 e 18 corridas no ano – originalmente seriam 22 –, passando ainda por Ásia, Américas e Oriente Médio. Nesse cenário, o Grande Prêmio do Brasil ainda não está confirmado no campeonato – vale lembrar que esta é a última edição do contrato em vigor entre a F-1 e Interlagos.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo