Expulso de campo, Messi acusa: 'está tudo armado para o Brasil ser o campeão da Copa América'

Por Fernando Valeika de Barros, especial para o Metro

Expulso, injustamente, depois de discutir e ser empurrado pelo chileno Gary Medel, o argentino Lionel Messi foi duro na sua primeira entrevista depois da partida na Arena Corinthians.

Disse que o cartão vermelho foi uma represália pelas reclamações de que o Brasil foi beneficiado pela arbitragem, no jogo da semifinal, contra os argentinos, em Belo Horizonte. "Não tenho dúvidas de que está tudo armado para o Brasil", disse aos jornalistas.

LEIA MAIS:
Copa América: Messi é expulso, mas Argentina vence Chile e garante o bronze
‘O Brasil controla tudo’, reclama Messi sobre arbitragem da Copa América

"Sou honesto e sempre digo a verdade, não me interessa se haverá repercussão". Irritado, decidiu boicotar a cerimônia de premiação, no gramado. "Não temos que fazer parte desta corrupção, desta falta de respeito. Com um cartão amarelo, tudo terminaria entre eu e o Medel", falou.

"Espero que, na final de domingo, o árbitro e o VAR não influenciem e o Peru, que tem uma boa equipe, possa competir. Mas acho que será difícil. É óbvio que o Brasil controla tudo. Está tudo armado".

Chile

Eliminado da Copa América pelo Peru, na semifinal, depois de uma contundente derrota por 3 a 0, o técnico do Chile, Reinaldo Rueda, disse ao Metro Jornal que não espera que a seleção brasileira tenha facilidade na final da competição, no Maracanã.

"A seleção peruana tem bons jogadores, um bom conjunto. Só não foi mais longe na Copa da Rússia por detalhes", disse. "A goleada de 5 a 0 que o Brasil conseguiu na primeira fase foi um acidente. Prevejo uma partida equilibrada."


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo