Morre Mendonça, ex-meia e ídolo do Botafogo

Por Metro Jornal

O futebol carioca perdeu um de seus ídolos na manhã desta sexta-feira (5). Ex-meia do Botafogo, Mendonça morreu aos 63 anos, após dois meses em estado grave no CTI (Centro de Tratamento e Terapia Intensiva) do Hospital Albert Schweitzer, no Rio de Janeiro.

Ele foi internado após cair de uma escada na estação de trem Guilherme da Silveira, em Bangu. A informação foi confirmada por sua família.

Veja também:
Quer mais futebol feminino? Saiba como continuar apoiando mulheres no esporte
Botafogo de Ribeirão Preto inaugura Arena e apresenta novo ‘modelo de negócios’

O ex-jogador já havia apresentado uma piora na noite de quinta (4), devido a uma infecção grave que gerou uma pressão arterial baixa e o comprometimento de órgãos.

Milton da Cunha Mendonça se tornou ídolo do Botafogo nas décadas de 1970 e 1980, mesmo sem ter conquistado títulos pelo clube. Além do Alvinegro, jogou pelos times Palmeiras, Santos e Grêmio.

Pelas redes sociais, o Botafogo reconheceu o trabalho do ex-meia e agradeceu sua contribuição ao clube:


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo