Deyverson terá que pagar R$ 350 mil ao Palmeiras por expulsão em clássico contra o Corinthians

Por Estadão Conteúdo

A diretoria do Palmeiras se reuniu com o atacante Deyverson nesta terça-feira (5) e aplicou ao jogador uma multa de R$ 350 mil por ter cuspido em Richard, do Corinthians, e sido expulso no clássico do último sábado, pelo Campeonato Paulista. No entender da cúpula do clube, o jogador é reincidente no quesito disciplinar e, ao repetir o erro, causou dano à imagem da equipe

Deyverson foi expulso pela quinta vez em 66 jogos pelo Palmeiras, sendo a segunda em clássicos contra o Corinthians. O episódio irritou o elenco, o técnico Luiz Felipe Scolari e a diretoria do clube, que nesta terça-feira chamou o jogador para uma reunião. Um pouco antes do treino da tarde, o atacante conversou com os dirigentes e ouviu, além da bronca, o aviso de que teria de pagar uma multa disciplinar.

O valor aplicado, inclusive, é próximo à quantia do salário do atleta registrado na carteira de trabalho. Ele também recebe um outro valor em direitos de imagem. Deyverson chegou ao Palmeiras em julho de 2017, comprado por cerca de R$ 18 milhões, com aporte da Crefisa.

Leia mais:
Neymar completa 27 anos e pede ‘metatarso novo’ de presente
Torcedora morre após ser atingida por bola em jogo de beisebol nos EUA

Apesar de Deyverson ser querido pelos colegas e admirado por Felipão, a cusparada no sábado causou reprovação ao jogador no clube. Alguns membros da diretoria chegaram a defender a ideia de que o atacante fosse negociado.

Em ocasiões anteriores em que foi expulso, Deyverson ganhou um voto de confiança, ao receber apenas broncas dos dirigentes e escutar orientações do treinador. A diretoria entendeu que nesta vez era preciso tomar uma medida enérgica. Pela cusparada, é possível que o jogador receba uma suspensão de até 12 jogos no Campeonato Paulista.

O incidente no sábado deve fazer Deyverson perder espaço no time No clássico mais recente, o atacante entrou em campo no segundo tempo e participou da partida por apenas 28 minutos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo