Atlético-PR escapa da derrota e traz decisão contra o Junior Barranquilla para casa

Por Metro Curitiba

A busca por um inédito título continental entre Atlético-PR e Junior Barranquilla terminou na noite de quarta-feira (5) com um empate por 1 a 1 no estádio Metropolitano Roberto Melendez. No fim, melhor para o Furacão, que decidirá o taça da Copa Sul-Americana em casa, na próxima quarta (12). Quem vencer é campeão e o empate leva a prorrogação e pênaltis.

Além do troféu, o título vale vaga na fase de grupos da Libertadores 2019, na Recopa Sul-Americana e na Copa Sugura (contra o campeão japonês), além de R$ 9,7 milhões.

Depois da partida, o Furacão seguiu direto para pegar o voo de volta. A delegação deve chegar à tarde em Curitiba.

O jogo

O Rubro-negro não se arriscou na 1ª etapa e pareceu administrar a partida. Praticamente só o Junior atacou, mas sem levar muito perigo.

Já no 2º tempo, o jogo pegou fogo. O Furacão deu as caras logo aos 4’. Em rápido contra-ataque, Nikão deixou Pablo na cara do gol; e ele bateu de primeira no canto para abrir o placar.

A alegria, contudo, durou pouco. Três minutos depois Yony González pegou sobra de bate-rebate na área e mandou de voleio para as redes.

Aos 27’, Rony derrubou Gutiérrez no bico da área e juiz marcou o pênalti. Na cobrança Pérez soltou uma bomba no travessão – que chegou a tremer – e desperdiçou a chance da virada colombiana.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo