Olimpíadas Especiais das Apaes: atletas com deficiência intelectual participam de competição nacional no RS

Por Metro Porto Alegre
Olimpíadas Especiais das Apaes Equipe de handebol da Bahia é uma das favoritas da competição. Eles já foram campeões quatro vezes das olimpíadas nacionais / Evandro Leal/Agência Freelancer

Pessoas de diferentes estados, sotaques e habilidades – mas com o mesmo desejo de se superar – ocuparam na terça-feira (4) o Complexo Esportivo da Ulbra, em Canoas (RS), para participar das Olimpíadas Especiais das Apaes, que congregam alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de todas as regiões do país.

O evento reúne atletas com algum tipo de deficiência intelectual. Por meio do esporte, eles mostram que podem ter muita autonomia para viver outras batalhas.

Os benefícios oferecidos pelo esporte vão totalmente ao encontro dos objetivos das Apaes, que são desenvolver a autonomia e promover a interação social das pessoas com deficiência intelectual. “A gente fica muito contente de ver a integração entre os atletas e também com o respeito que eles têm uns com os outros”, enfatizou o presidente da Federação das Apaes do RS, Afonso Tochetto.

O esporte é uma atividade capaz de desenvolver diversos aspectos da vida social, como o senso de responsabilidade, o respeito e as relações interpessoais, além de trabalhar o desenvolvimento das habilidades motoras e cognitivas.

Leia mais:
Coleção de Johannes Vermeer ganha mostra on-line do Google
Cidadão pode enviar mensagens a ouvidorias do governo por rede social

Frequentador da Apae desde 2011, Denisval João dos Santos, 24 anos, trabalha atualmente como operador de máquinas pesadas em uma usina de São Paulo. Ele é o camisa 3 do time de futebol da Apae paulista. “Está tudo ótimo, vai ficar melhor ainda quando a gente ganhar o troféu”, projetou o jogador, após garantir a classificação para as semifinais.

O primeiro dia de competições da 22a edição das Olimpíadas Especiais das Apaes, na quarta, foi dedicado às primeiras rodadas dos esportes coletivos, como futsal, futebol de sete, handebol e basquete. Ao fim do dia, a pista de atletismo e a roda de capoeira já davam um aperitivo do que ocorrerá nesta quarta (5).

As atividades vão até sábado à tarde, quando será realizada a cerimônia de encerramento. De acordo com Tochetto, é o maior evento esportivo das Apaes. “É um número bem expressivo de participantes.” As Olimpíadas Especiais das Apaes são organizadas pela Federação Nacional das Apaes, juntamente com a Federação das Apaes do RS, e tem a parceria da Ulbra e do Instituto Bandeirantes.

Olimpíadas Especiais das Apaes Time paulista (verde) venceu o do Mato Grosso / Evandro Leal/Agência Freelancer
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo