Árbitro discute com dirigente do Internacional após jogo polêmico

Por Metro Jornal

Uma discussão entre o árbitro Ricardo Marques Ribeiro e um dirigente do Internacional viralizou nas redes sociais nesta terça-feira (23). O juiz da partida foi cobrado no túnel que dá acesso aos vestiários pelo colorado sobre um gol anulado durante a partida contra o Santos, que terminou empatado em 2 a 2 na noite de segunda (22).

No vídeo, o Ribeiro se exalta e precisa ser segurado pelos assistentes ao responder Rodrigo Caetano, o diretor executivo do Inter, aos gritos de “você me respeita”. Veja o vídeo abaixo:

O caso foi relatado na súmula da partida. Leia o relato de Ricardo Marques Ribeiro:

"Relato ainda que após o término da partida, quando o sexteto de arbitragem se dirigia para o vestiário e passava pela zona mista fomos abordados pelo sr. Rodrigo Caetano, gerente executivo de futebol do SC Internacional, que proferiu, em tom agressivo, as seguintes palavras: 'Vocês vão parar por quê? Vocês decidiram o campeonato, erraram feio, seu safado, absurdo o que vocês fizeram aqui hoje."

O lance

Os colorados reclamaram bastante de um gol anulado de Leandro Damião quando o jogo estava empatado em 1 a 1. No lance, os jogadores reclamaram de pênalti em Victor Cuesta. Na sequência da jogada, o centroavante colorado teve posição de impedimento assinalada.

Antes de confirmar a anulação, o performático árbitro Ricardo Marques Ribeiro consultou o bandeira e o árbitro que fica na linha de fundo. Não chegou a conclusão nenhuma. Foi ao centro do campo conversar com o quarto árbitro e o bandeira que fica na outra metade do gramado e decidiu invalidar o lance após sete minutos de jogo parado.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo