Jonas e Guerrero encabeçam a lista de centroavantes desejados pelo Santos

Por Metro Jornal

Desde a saída de Ricardo Oliveira, no final do ano passado, o Santos tenta encontrar um artilheiro. Gabigol não rendeu o esperado e a diretoria começou a buscar um outro nome no mercado. Os alvos prioritários já estão definidos: Jonas, do Benfica, e Guerrero, do Flamengo.

Marco Ruben, do Rosario Central, também estava na lista inicial, mas o próprio técnico Cuca já esfriou a possibilidade: “Ventilei o nome dele em outros clubes, mas não entendo que seja o momento ideal para trazê-lo aqui.”

O comandante prioriza atletas que conheçam o futebol brasileiro e que se adaptem rápido, uma vez que o Peixe já tem muitos estrangeiros no grupo.

Guerrero tem contrato com o Flamengo até o próximo dia 10 e, ao que tudo indica, não permanecerá. Os valores pedidos pelo peruano, porém, assustam – no rubro-negro, recebeu R$ 650 mil de salário e quase R$ 300 mil mensais em luvas diluídas em três anos de contrato.

A questão financeira também é uma grande trava para repatriar Jonas, que recebe em Portugal cerca de 333 mil euros por mês (aproximadamente R$ 1,4 milhão). Por isso ele é tratado como um sonho impossível. Ainda assim, a diretoria do Santos acredita que pode negociar pelo fato de o atacante ter um bom relacionamento na Vila Belmiro, já que defendeu o Peixe entre 2006 e 2007.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo