Lukaku x Kane. Artilheiro da Copa deve sair do duelo entre Bélgica e Inglaterra

Por Metro Jornal

Tudo bem que a Fifa ainda força um certo glamour na disputa do terceiro lugar da Copa, mas, convenhamos, geralmente é uma partida que desperta pouco interesse.

Na edição 2018, o jogo “que ninguém queria fazer” caberá a Bélgica e Inglaterra, neste sábado, às 11h, em São Petersburgo. Mas, desta vez, a partida tem um atrativo especial: é dela, provavelmente, que sairá o prêmio de chuteira de ouro, dado ao artilheiro do Mundial.

Até o momento, Harry Kane, com seis gols, e Romelu Lukaku, com quatro gols, são os favoritos ao troféu dourado. Na decisão, entre França e Croácia, os principais goleadores são franceses Griezmann e Mbappé, ambos com três tentos. Caso haja empate na artilharia, a Fifa anunciou que o critério de desempate será o número de assistências. Neste quesito, o belga está na frente, com uma, contra nenhuma do inglês.

Além de Chuteira de Ouro, logo após a final também serão distribuídos os prêmios de Luva de Ouro ao melhor goleiro, Melhor Jogador e Revelação da Copa – este último disputado entre os nascidos a partir de janeiro de 1997.

Enquanto a Inglaterra tem no currículo um título, em 1966, a Bélgica tenta sua melhor campanha, que até agora é um quarto lugar, em 1986.

Arbitragem

A Fifa definiu que o argentino Néstor Pitana apitará a decisão da Copa do Mundo entre França e Croácia. Pitana terá como auxiliares os compatriotas Hernan Maidana e Juan Pablo Belatti. O trio já apitou quatro jogos neste Mundial, incluindo o duelo de abertura. Já a disputa do terceiro lugar será comandada por Alireza Faghani, do Irã.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo