Atacante da Dinamarca recebe ameaças após eliminação

Por Ansa

O atacante da Dinamarca Nicolai Jorgensen está recebendo ameaças de morte em suas redes sociais desde que errou o pênalti que culminou na eliminação de sua seleção da Copa do Mundo, contra a Croácia, no último domingo (7).

Após empate de 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação, a Croácia derrotou a Dinamarca nos pênaltis, com o goleiro Danijel Subasic pegando a penalidade decisiva do atacante do Feyenoord.

"Nossa sociedade nunca deve aceitar ameaças de morte, nem contra estrelas da Copa do Mundo, políticos ou outros. É completamente inaceitável e obsceno. Nós passamos o assunto à polícia para acabar com essa loucura", escreveu a Federação Dinamarquesa de Futebol (DBU) no Twitter.

Horas depois da declaração da entidade, Jorgensen minimizou as ameaças. "É importante ressaltar que não recebi diretamente ou pelo menos vi qualquer ameaça de morte. Recebi muitas mensagens doces e edificantes, e agradeço muito por elas. Ninguém está mais triste e decepcionado do que eu por perder o pênalti. Obrigado por suas mensagens de apoio", escreveu.

Jorgensen iniciara a Copa do Mundo como titular, mas perdeu a posição no decorrer da competição. O atacante participou de três das quatro partidas da Dinamarca no torneio.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo