Mãe acusa torcida organizada Independente de obrigar meninos a tirarem brincos

Por Band.com.br

A homofobia nos estádios de futebol voltou a ser assunto no último fim de semana. A mãe de um torcedor do São Paulo fez um desabafo no Twitter em que afirma que a torcida organizada Independente obrigou jovens que estavam na arquibancada a tirarem os brincos.

O episódio aconteceu no Anacleto Campanella durante o duelo entre o Tricolor e o São Caetano pelas quartas de final do Campeonato Paulista no último sábado, dia 17.

"Meu filho tem 14 anos. Ama o SPFC. Estamos no Anacleto, próximos à torcida e a Independente mandou todos os moleques tirarem os brincos pra não pareceram viados e que ali era 'torcida organizada'. A molecada, com medo, tirou", escreveu. "Eu só lamento. Bando de filho da puta que acha que representa o SPFC. Vocês são um lixo", continuou.

O desabafo da mãe viralizou nas redes sociais. A repercussão a surpreendeu. "Eu relatei o que aconteceu com meu filho no último jogo do SPFC. Não sou 'influencer', não marquei nenhum perfil famoso, nada. Foi apenas um desabafo e uma decepção. Tô bem surpresa com a repercussão, mas feliz pela indignação. Significa que estamos no caminho certo", declarou.

A reportagem tentou contato com a organizada, mas não obteve retorno até a publicação da matéria.

Veja a sequência de tuítes:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo