West Ham suspende dirigente que rejeitou jogadores negros

Por Ansa

O diretor responsável pelas contratações de jogadores do West Ham, Tony Henry, foi suspenso pelo clube inglês nesta quinta-feira (1), após ter admitido ao jornal "Daily Mail" que rejeitou atletas por serem africanos.

A polêmica começou quando Henry foi questionado sobre o mercado de transferências, e o dirigente afirmou que o clube não contrataria mais jogadores africanos, pois ele mesmo tinha problemas com o atacante senegalês Diafra Sakho, que deixou o West Ham para atuar no Rennes, da França.

"Não é racista, só que, por vezes, eles têm uma má atitude. Tivemos problemas com o Diafra Sakho e achamos que, quando não estão jogando, causam o caos. Não é nada contra a raça africana", disse Henry.

As palavras do dirigente rapidamente pararam na mídia e foram duramente criticadas nas redes sociais. O West Ham não demorou para tomar uma atitude e, apenas um dia depois da polêmica declaração, suspendeu Henry.

"O West Ham não irá tolerar nenhum tipo de discriminação. Portanto, atuou rapidamente por causa da natureza séria dessa afirmação. A família West Ham é inclusiva é quer que todos se sintam bem-vindos e incluídos, independentemente de gênero, idade, habilidade, raça, religião ou orientação sexual", disse o clube em uma nota.

Já Sakho se pronunciou e revelou ter sofrido racismo no time. Além disso, o senegalês de 28 anos alertou que o clube "não quer jogadores negros".

O dirigente do West Ham ainda criticou os jogadores italianos e russos, afirmando que nenhum deles "se adaptam na Inglaterra".

Em seu elenco principal, o West Ham possui oito jogadores negros, sendo que dois são nascidos em países africanos, o lateral-esquerdo Arthur Masuaku, do Congo, e o meio-campista senegalês Cheikhou Kouyaté. O italiano Angelo Ogbonna, ex-Juventus, é negro e também faz parte da equipe dos "Hammers".

Em sua história, muitos jogadores negros foram importantes para o West Ham. No entanto, um italiano entrou para hall da fama do clube, o polêmico atacante Paolo Di Canio.

No Campeonato Inglês, o West Ham ocupa a 12ª colocação, estando a somente quatro pontos do Southampton, 18º posicionado e o primeiro clube da zona do rebaixamento.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo