Lutadora brasileira se desculpa após ficar 12kg acima do peso antes de luta

Por Metro Jornal
Gabi Garcia ficou nada menos que 12kg acima do peso da categoria na pesagem - Reprodução
Lutadora brasileira se desculpa após ficar 12kg acima do peso antes de luta

Pode parecer apenas protocolo, mas a pesagem antes de cada luta é algo muito sério e serve para garantir que os competidores irã lutar (mesmo) em igualdade de condições dentro da categoria. Mas não foi bem isto o que aconteceu com a brasileira Gabi Garcia, que foi flagrada na medição 12kg acima dos 95kg permitidos, antes de uma competição do MMA no Japão.

A multicampeã mundial de jiu-jítsu na faixa-preta, a brasileira de 34 anos, anunciada com 107,7kg, iria lutar contra Shinobu Kandori, que na pesagem registrou 73,75kg. A japonesa de 53 anos se revoltou e deixou o palco gritando que aquilo era "uma desgraça" pouco após conferir a medição.

O confronto entre as duas atletas foi oficialmente cancelado pouco antes da realização do evento deste fim de semana. Elas foram chamadas para falar no microfone aberto durante o torneio, junto ao dirigente e ex-lutador Nobuhiko Takada.

Veja o momento da pesagem:

"Caras, vou falar rápido, só digo desculpas por tudo isso. É a primeira vez que isso aconteceu na minha vida, mas passei por problemas três semanas antes da luta e achei que me recuperei, mas no meu primeiro treino aqui, meu nariz sangrou, e minha pressão sanguínea (baixou). Não consegui cortar o peso porque tive muitos problemas. Eu a respeito, respeito minha oponente, ela é uma lenda aqui. Estou tão triste, estou chorando muito, porque é a primeira vez que entrei por este caminho, pelos fundos – disse Gabi, em entrevista ao canal por assinatura SporTV.

"Eu preciso dizer desculpas a todos os meus fãs no Japão, amo vocês, desculpe Sakakibara-san (presidente do Rizin), desculpe Takada, desculpe a você. E a desafio para o ano que vem. Eu vou cortar o peso, essa foi a primeira vez que isso aconteceu. Se você precisa lutar comigo, espero que aceite lutar comigo no ano que vem. Desculpe Japão, amo vocês, e voltarei mais forte no ano que vem", confinou já chorando.

Loading...
Revisa el siguiente artículo