Para Roberto Carlos, Brasil estará na final da Copa

Por band.com.br
Depo Photos/EuroFootball/Getty Images
Para Roberto Carlos, Brasil estará na final da Copa

Se depender de Roberto Carlos, a Seleção Brasileira, de Tite vai se dar bem na Copa do Mundo da Rússia no ano que vem. O ex-lateral-esquerdo, pentacampeão do mundo em 2002, acredita que o time canarinho vai estar na decisão em 2018. “A Seleção vai fazer uma excelente Copa e a gente, pelo menos, vai chegar à final”, previu.

Roberto Carlos creditou o crescimento da Seleção ao treinador. “Com a chegada do Tite o Brasil melhorou muito. Os jogadores entenderam a filosofia da Seleção, o perfil do treinador e estão jogando mais soltos”, observou.

O ex-lateral destacou o crescimento de Neymar na Seleção. “Uma coisa boa que o Tite fez foi tirar a responsabilidade das costas dele. Dividia a responsabilidade com William, Philippe Coutinho, Thiago Silva e vários jogadores que estão aí.. Neymar está conseguindo desempenhar o melhor futebol. Ver ele feliz. isso é o mais importante. É uma alegria enorme, porque é considerado um dos três melhores do mundo e é brasileiro”.

Tite na Europa

Roberto Carlos observou que o trabalho de Tite na Seleção tem repercutido muito bem no exterior e acredita que o treinador vai ter mercado no futebol europeu após o Copa do Mundo na Rússia.

“Existe essa possibilidade porque é um grande treinador. Vem demonstrando ser inteligente, muito tático, amigo dos jogadores e muito profissional. Já se fala no Tite aqui. Tem que esperar a Copa do Mundo pra ver o que ele quer, vir para a Europa, continuar na Seleção . É um grande profissional e um excelente treinador”.

Grêmio

“O Grêmio fez uma excelente Libertadores e foi campeão. Agora jogar um Mundial de Clubes contra o Real Madrid é difícil porque está acostumado a jogar esse tipo de competição. O Grêmio tentou, mas não conseguiu. O Real dificultou a vida do Grêmio. Não é que o Grêmio não conseguiu jogar. O Real fez um jogo inteligente e conseguiu bloquear todos os jogadores importantes quer o Grêmio tem”.

Espanha

“Isso não existe de tirar a Espanha da Copa. Tenho conversado com Infantino, presidente da Fifa. Isso não vai existir de jeito nenhum. A seleção não tem nada a ver com os problemas políticos. Acho que são notícias para pressionar o presidente da Federação. Não vai ter nada. Só pra assustar mesmo. Com certeza vai estar na Copa”.

Loading...
Revisa el siguiente artículo