Zidane admite oscilações do Real e indica dificuldades no Mundial de Clubes

Por Estadão Conteúdo
Pool Pic/UEFA Livepic/Reuters
Zidane admite oscilações do Real e indica dificuldades no Mundial de Clubes

Após o primeiro treino do Real Madrid em Abu Dabi, o técnico Zinedine Zidane reconheceu que o time tem apresentado oscilações na atual temporada europeia e admitiu que o time espanhol poderá encontrar dificuldades no Mundial de Clubes da Fifa, a partir desta quarta, quando será a estreia da equipe nos Emirados Árabes Unidos.

"Não vai ser fácil. No ano passado tivemos muitas dificuldades contra os japoneses, mas conseguimos o título. Não teremos partidas fáceis e não é porque somos o Real Madrid que vamos ganhar", disse o treinador, em tom de alerta. Na final de 2016, o Real empatou por 2 a 2 com o Kashima Antlers no tempo normal e, após sufoco, precisou da prorrogação para vencer por 4 a 2.

Neste ano, o Real estreará contra o Al Jazira. Se confirmar o favoritismo, poderá encarar o Grêmio na final. O time brasileiro vem embalado pelo título da Copa Libertadores, conquistado no último dia 29.

Desta vez, o time espanhol chega para o Mundial em condições adversas, sem convencer no Campeonato Espanhol e com o seu principal ídolo, Cristiano Ronaldo, longe de suas melhores atuações. "É normal que haja momentos complicados durante a temporada, mas o que fizemos até agora é positivo e muito interessante", reconheceu o treinador.

Ele lembrou os títulos da Supercopa da Espanha e da Supercopa da Europa para "compensar" as atuações abaixo do esperado nas últimas semanas. "Ganhamos dois títulos e vamos tentar o terceiro. Depois teremos seis meses para lutar pelo Espanhol, pela Liga dos Campeões e pela Copa do Rei. Não vai ser fácil."

Loading...
Revisa el siguiente artículo