Milan demite técnico e contrata Gattuso

Por Estadão Conteúdo
Gattuso, de 39 anos, encerrou sua trajetória como jogador em 2013 - Tullio M. Puglia/Getty Images
Milan demite técnico e contrata Gattuso

Sem conseguir convencer nesta primeira metade da temporada europeia, a diretoria do Milan anunciou uma medida drástica nesta segunda-feira. Um dia após o empate sem gols com o Torino, o clube de Milão demitiu o técnico Vincenzo Montella, que comandava a equipe desde junho do ano passado, e anunciou a contratação de Gennaro Gattuso.

A mudança foi anunciada pelo clube nas redes sociais. "O Milan anuncia que encerrou a parceria com Vincenzo Montella. O comando do time principal agora ficará a cargo de Gennaro Gattuso, que deixa sua posição de treinador do time Primavera [base]. Desejamos a ele boa sorte", registrou a diretoria do time de Milão.

A decisão pela mudança no comando técnico veio em razão da frustração da diretoria em relação aos resultados nesta primeira metade da temporada europeia. O Milan foi um dos clubes que mais investiu na última janela de transferências, desembolsando mais de 200 milhões de euros (cerca de R$ 770 milhões).

Da lista milionária de contratações, os destaques foram o zagueiro Leonardo Bonucci, que saiu da Juventus por 40 milhões de euros, e o atacante André Silva, que deixou o Porto por 38 milhões de euros. O time contratou ainda a peso de ouro Andrea Conti, da Atalanta, e Hakan Calhanoglu, do Bayer Leverkusen.

Mesmo reforçado, o Milan segue irregular no Italiano. O time venceu apenas dois dos seus últimos nove jogos. No Campeonato Italiano, ocupa apenas o sétimo lugar, com o mesmo número de vitórias e derrotas: seis. A queda para o sétimo lugar veio com o empate com o Torino, diante de sua torcida.

Gattuso, de 39 anos, encerrou sua trajetória como jogador em 2013, mesmo ano em que dividiu sua atuação dentro de campo com a função de treinador pela primeira vez, no comando do Sion, da Suíça. Depois teve passagens discretas como técnico pelo Palermo, pelo OFI Crete, da Grécia, e pelo Pisa, antes de assumir a base do Milan no começo deste ano.

Loading...
Revisa el siguiente artículo