Gremistas reclamam de pênaltis e detonam arbitragem

Por band.com.br
Cícero comemora o gol que deu a vitória ao Grêmio - Lucas Uebel/Grêmio
Gremistas reclamam de pênaltis e detonam arbitragem

Apesar da importante vitória por 1 a 0, os jogadores do Grêmio saíram na bronca com a arbitragem depois do primeiro jogo da decisão da Libertadores. Atletas e diretores deixaram o gramado reclamando de dois pênaltis e não pouparam críticas ao árbitro chileno Julio Bascuman.

“Ele é ridículo. Veio aqui para administrar o jogo, foi uma arbitragem ridícula. Não deu cartão para os pendurados deles, deu cartão para o Kannemann. Ele não contava que iria sair o gol, porque senão seria perfeito para ele. Dois pênaltis claros não marcados", disse o vice de futebol Odorico Roman.

Leia mais:
Grêmio vence o Lanús e joga pelo empate na Argentina para ser tri da Libertadores

"Unanimidade que foram dois pênaltis a nosso favor não marcados. A vantagem é importante. Nos impusemos no segundo tempo, fizemos o gol e vamos em busca deste título", disse o volante Ramiro.

Com a vitória, o Grêmio fica com o tricampeonato se empatar o jogo de volta, na próxima quarta-feira, no estádio La Fortaleza. Um triunfo do Lanús por um gol de diferença leva a disputa da taça para a prorrogação.

A grande ausência no Tricolor será o zagueiro Kannemann, que vai cumprir suspensão.

Loading...
Revisa el siguiente artículo