Austrália bate Honduras por 3 a 1 e fatura a penúltima vaga na Copa do Mundo

Por Estadão Conteúdo
Getty Images
Austrália bate Honduras por 3 a 1 e fatura a penúltima vaga na Copa do Mundo

A Austrália venceu a Honduras por 3 a 1, nesta quarta-feira (15), em Sydney, e conquistou a penúltima vaga em aberto para a Copa do Mundo de 2018. Com o triunfo, a seleção australiana se tornou o 31º país confirmado no Mundial que será realizado na Rússia, onde a nação vai disputar pela quinta vez uma edição da principal competição do futebol do planeta.

Esse foi o jogo de volta da repescagem mundial das Eliminatórias, sendo que no duelo de ida deste mata-mata, realizado na semana passada, o representante da Concacaf ficou no 0 a 0 com a Austrália, em solo hondurenho, antes da nação da Oceania que é filiado à Confederação Asiática de Futebol vencer em solo australiano.

Leia mais:
Itália fica fora da Copa do Mundo pela primeira vez desde 1958
Rússia reforça segurança com medo do terrorismo na Copa do Mundo de 2018

Depois de um primeiro tempo de poucas emoções, a Austrália só conseguiu abrir o placar do duelo desta quarta-feira no segundo tempo. E o grande nome do jogo acabou sendo o capitão da seleção da casa, o meio-campista Mile Jedinak. Ele começou a pavimentar o caminho para o triunfo do seu país ao cobrar falta da meia-lua, aos 9 minutos, e ver Henry Figueroa tentar fazer o corte, mas cabecear a bola para as próprias redes, marcando contra.

Pouco depois, aos 27 minutos, a Austrália chegou ao segundo por meio de um gol de pênalti, assinado após Bryan Acosta tocar com a mão na bola dentro da grande área. Jedinak foi para a bola e bateu no canto direito baixo do goleiro Donis Escober para deixar a Austrália ainda mais perto de garantir sua vaga na Copa

E a certeza da conquista de um lugar no Mundial veio ao 40 minutos desta etapa final, quando Jedinak voltou a marcar por meio de uma cobrança de penalidade, desta vez sofrido por Robbie Kruse em falta cometida por Jerry Palacios. O meia foi para a bola e bateu no meio do gol, enquanto Escober caiu para o seu canto direito.

No finalzinho, Alberth Elis descontou o placar para Honduras, mas já era tarde demais para buscar qualquer reação. A essa hora, os cerca de 75 mil torcedores que encheram o estádio ANZ, em Sydney, já faziam a festa.

O Mundial de 2018 conta agora com 31 seleções classificadas. Além da Dinamarca, estão confirmados Egito, Nigéria, Senegal, Marrocos, Tunísia, Rússia (país-sede), Brasil, Bélgica, Inglaterra, França, Alemanha, Islândia, Polônia, Portugal, Sérvia, Espanha, Argentina, Colômbia, Uruguai, Costa Rica, Panamá, México, Irã, Japão, Coreia do Sul, Arábia Saudita, Croácia, Suécia e Suíça, estas três últimas também garantidas na repescagem europeia.

A última vaga na Copa de 2018 será definida no início da madrugada desta quinta-feira, a partir de 0h15 (de Brasília), quando o Peru enfrenta a Nova Zelândia, em Lima, no duelo de volta da repescagem entre os dois países. Na partida de ida, em Wellington, as duas seleções empataram por 0 a 0.

Loading...
Revisa el siguiente artículo