Massa voltou para ter sua despedida da Fórmula 1

Por Tercio David - Metro Jornal
Massa ao lado do filho Felipinho no pódio em Interlagos - Mark Thompson/Getty Image
Massa voltou para ter sua despedida da Fórmula 1

A batida que impediu Felipe Massa de terminar o GP do Brasil de 2016 estragou a despedida do brasileiro diante de seu público. Então, atendendo ao chamado da Williams, ele resolveu correr neste ano e conseguiu, pelo menos, ter um "adeus" digno para sua trajetória na Fórmula 1. Após o sétimo lugar deste domingo, em Interlagos, o vice-campeão de 2008 não escondeu a emoção quando foi convidado a subir ao pódio, mesmo sem terminar entre os três primeiros.

Leia também
Vettel vence, com show de Hamilton; Massa é sétimo em sua despedida do GP do Brasil
Temporada sem brasileiros vai servir de ‘presta atenção’, diz Barrichello
Doria diz que assalto à Mercedes serve de lição para os próximos anos

"Gostaria de falar em português hoje, estou cansado de falar em inglês. Mas vamos lá…", começou o brasileiro.  "Obrigado a todos vocês. Vou sentir muita falta disto. Quero agradecer mesmo, de coração", disse Massa, em inglês mesmo, ao lado do "entrevistador" Rubens Barrichello. "Gostaria de agradecer a todos aqui pela energia e pelo apoio por todos estes anos", completou. "Vou sentir muita falta disto aqui."

Sobre a corrida, Massa ressaltou a importância das voltas iniciais para o resultado final. "Ultrapassei alguns carros na largada e isto foi importante. Depois do safety car conseguiu ultrapassar o [Fernando] Alonso e isto foi muito importante, pois o carro dele era melhor que o meu", explicou Massa, que segurou a McLaren atrás de si por toda a corrida.

Fora da Fórmula 1 depois do GP de Abu Dhabi, daqui a duas semanas, Massa não quis falar onde irá competir a partir do ano que vem. "Vou sentar no sofá e descansar um pouco. Depois vou procurar um carro para guiar que é o que gosto de fazer", completou.

Loading...
Revisa el siguiente artículo