Mike Tyson é proibido de entrar no Chile por ter antecedentes criminais

Por Wanise Martinez, do Chile
Chris Hyde/Getty Images
Mike Tyson é proibido de entrar no Chile por ter antecedentes criminais

Lenda dos pesos-pesados, o ex-boxeador Mike Tyson foi impedido de entrar no Chile nesta quinta-feira (9), onde iria participar de um evento com a imprensa, por conta de seus antecedentes criminais nos Estados Unidos.
O esportista foi deportado “devido à Lei dos Estrangeiros que autoriza proibir o ingresso ao país de todo estrangeiro que conte com antecedentes criminais negativos e/ou condenações em seu país de origem”.
O Metro está no Chile junto com outros veículos da América Latina que também participariam do Space Awards, um evento realizado pelo canal pago Space que visa exaltar os melhores filmes de ação. Tyson foi convidado a ser o apresentador e era aguardado no Chile com ansiedade.
Acusado de estupro em 1992, o ex-boxeador foi preso e cumpriu pena até março de 1995, quando saiu por bom comportamento. Além disso, Tyson também já foi detido por dirigir alcoolizado e por agredir um repórter fotográfico.

Loading...
Revisa el siguiente artículo