Bahia vence o Avaí e já sonha com vaga na Libertadores

Por Metro Jornal e Estadão Conteúdo
Edigar Júnior comemora o gol do Bahia - Eduardo Valente/FramePhoto/Folhapress
Bahia vence o Avaí e já sonha com vaga na Libertadores

Na Ressacada, em Florianópolis, o Bahia venceu o Avaí por 2 a 1 e ganhou o direito de sonhar com uma vaga na Libertadores. Com o resultado, o Tricolor Baiano chegou a 45 pontos, dois a menos que o sétimo colocado Flamengo – que ainda joga nesta rodada. Já o Avaí, com 35 pontos, segue na zona de rebaixamento.

O Bahia até começou mais presente no campo de ataque, mas aos 16 minutos o Avaí abriu o placar com um velho conhecido da torcida. O experiente meia Marquinhos cobrou falta da entrada da área e contou com falha do goleiro Jean para marcar o seu 58.º gol na Ressacada, se tornando o maior artilheiro do estádio.

O empate do Bahia também saiu em cobrança de falta. Aos 32 minutos, Juninho bateu bem e a bola tocou nas duas traves antes de sobrar para Renê Júnior, que chutou em cima da defesa. O segundo rebote ficou com Edigar Junio, que estufou as redes.

Na segunda etapa, o Bahia seguiu melhor e conseguiu marcar o gol da virada aos 33 minutos, novamente com Edigar Junio. Em bela troca de passes envolvendo ainda Mendoza e Allione, o centroavante recebeu dentro da área e só completou para o gol.

Nos minutos finais, o Avaí tentou pressionar em busca do empate, mas já era tarde demais. Bem postada, a defesa do Bahia controlou a partida e, quando teve a posse de bola, o time visitante soube administrar o resultado até o apito final.

O Avaí volta a campo neste sábado, quando visita o líder Corinthians no estádio Itaquerão, em São Paulo, pela 34.ª rodada do Brasileirão. No domingo, o Bahia recebe o Atlético Mineiro, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 1 x 2 BAHIA

AVAÍ – Douglas Friedrich; Maicon (Diego Tavares), Fagner Alemão, Betão e João Paulo; Judson, Pedro Castro, Marquinhos (Wellington Simião) e Luanzinho (Maurinho); Romulo e Júnior Dutra. Técnico: Claudinei Oliveira.

BAHIA – Jean; Eduardo, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba; Renê Júnior (Feijão), Juninho, Allione (Matheus Sales) e Zé Rafael; Mendoza (Régis) e Edigar Junio. Técnico: Paulo César Carpegiani.

GOLS – Marquinhos, aos 16, e Edigar Junio, aos 32 minutos do primeiro tempo; Edigar Junio, aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Pedro Castro e Romulo (Avaí); Juninho Capixaba e Allione (Bahia).

ÁRBITRO – Péricles Bassols Pegado Cortez (PE).

RENDA – R$ 78.830,00.

PÚBLICO – 4.412 pagantes.

LOCAL – Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Loading...
Revisa el siguiente artículo