Atlético-MG e Grêmio anunciam fim de pendências judiciais por Victor e Werley

Por Estadão Conteúdo
Victor é um dos principais jogadores do Atlético-MG - Pedr Souza /Atlético
Atlético-MG e Grêmio anunciam fim de pendências judiciais por Victor e Werley

Chegou ao fim nesta quarta-feira uma longa novela envolvendo Atlético-MG e Grêmio. Os clubes anunciaram o fim das pendências judiciais referentes às negociações de dois jogadores entre eles, Victor e Werley, e colocaram ponto final em um caso que já se arrastava por cinco anos.

"O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense e o Clube Atlético Mineiro vêm a público comunicar que, através de concessões mútuas, alcançaram acordo para encerrar todas as pendências judiciais e arbitrais originárias de 2012 e que envolveram os direitos sobre os atletas Victor Leandro Baggy e Werley Ananias", divulgou o time mineiro em nota assinada por ambas as diretorias.

A longa pendência começou quando o Atlético-MG comprou o goleiro Victor do Grêmio em 2012. O clube gaúcho alegou que não recebeu o valor completo referente à negociação e entrou com processo que rodou por diversas esferas judiciais, inclusive congelando parte do valor pago pelo São Paulo ao time mineiro pela contratação de Lucas Pratto.

Em meio a esta pendência, o Atlético-MG, por sua vez, também acusou o Grêmio de não ter cumprido os acordos definidos em contrato pelo empréstimo de Werley, em 2015, o que só intensificou a disputa judicial.

Finalmente, porém, ela chegou ao fim nesta quarta. No comunicado, o Atlético-MG não especificou as "concessões mútuas" realizadas pelos clubes, mas fez questão de agradecer aqueles que trabalharam no caso.

"Com isso, os clubes agradecem aos seus advogados e a todos que estiveram, direta e indiretamente, envolvidos em todas as etapas do complexo e vitorioso processo de negociação", comentou.

Loading...
Revisa el siguiente artículo