Vettel desbanca Red Bull e fatura pole no GP de Cingapura

Por Estadão Conteúdo
Jeremy Lee/ Reuters
Vettel desbanca Red Bull e fatura pole no GP de Cingapura

Superado por Lewis Hamilton na liderança do campeonato, na última etapa da Fórmula 1, Sebastian Vettel deu o primeiro passo neste sábado para recuperar a ponta. O alemão da Ferrari desbancou os carros da Red Bull, que vinham dominando os treinos livres do GP de Cingapura, e faturou a pole position para a corrida noturna nas ruas de Cingapura, no domingo.

Vettel obteve sua quarta pole neste circuito de rua com o tempo de 1min39s491. Com este desempenho surpreendente, em comparação ao que a Ferrari vinha fazendo nos treinos livres, ele deixou para trás os dois carros da Red Bull, que lideraram as três sessões livres do fim de semana.

O holandês Max Verstappen vai largar ao lado de Vettel, ao obter o segundo tempo, com 1min39s814. Já o australiano Daniel Ricciardo, o mais veloz da sexta, teve que se contentar com o terceiro posto no grid, após anotar 1min39s840. O finlandês Kimi Raikkonen, companheiro de Vettel na Ferrari), sairá em quarto, com 1min40s069.

Tanto no Q1 quanto no Q2, a Ferrari apresentou rendimento discreto, assim como a Mercedes. Verstappen liderou as duas sessões, sem sofrer ameaças das duas equipes rivais. O inglês Lewis Hamilton, líder do campeonato, e o finlandês Valtteri Bottas, mantiveram no Q3 a mesma performance das sessões anteriores.

O líder vai largar somente da quinta colocação, logo à frente do companheiro de Mercedes. Poderá ser a oportunidade perfeita para Vettel reagir e recuperar a liderança. Em Cingapura, sete das nove corridas já disputadas foram vencidas pelo pole position. Hamilton assumiu a liderança do campeonato na etapa passada e está na frente do alemão por apenas três pontos: 238 contra 235

Vettel não foi o único a surpreender no treino classificatório. Um dia depois de anunciar que deixará a Honda para ter os motores Renault a partir de 2018, a McLaren mostrou serviço com o motor japonês em Cingapura. O espanhol Fernando Alonso, que chegou a ser o terceiro mais veloz no Q1, obteve o oitavo lugar no grid. E o belga Stoffel Vandoorne, parceiro do espanhol na equipe inglesa, foi o nono.

O alemão Nico Hülkenberg, da Renault, e o espanhol Carlos Sainz Jr, da Toro Rosso, completaram o Top 10 do grid. O piloto da Renault vai largar em sétimo e o espanhol sairá do décimo posto.

O brasileiro Felipe Massa não teve motivos para comemorar neste sábado. Ele estourou o pneu traseiro direito ao atingir de leve o muro logo no começo do treino. Por causa do contratempo, ele demorou para voltar à pista e teve tempo de fazer somente uma volta. Ele chegou a entrar na lista dos classificados ao Q2, mas foi logo superado pelo britânico Jolyon Palmer nos instantes finais da sessão.

Assim, Massa vai largar somente da 17ª posição no grid deste domingo. O canadense Lance Stroll, seu companheiro na Williams, sairá em 18º. O resultado não surpreende porque a equipe vinha demonstrando dificuldade na pista de Cingapura desde o primeiro treino livre, na sexta-feira.

A corrida nas ruas de Cingapura está marcada para as 9 horas deste domingo (no horário de Brasília).

Confira o grid de largada do GP de Cingapura:

1º – Sebastian Vettel (ALE/Ferrari), 1min39s491

2º – Max Verstappen (HOL/Red Bull), 1min39s814

3º – Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull), 1min39s840

4º – Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min40s069

5º – Lewis Hamilton (ING/Mercedes), 1min40s126

6º – Valtteri Bottas (FIN/Mercedes), 1min40s810

7º – Nico Hülkenberg (ALE/Renault), 1min41s013

8º – Fernando Alonso (ESP/McLaren), 1min41s179

9º – Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren), 1min41s398

10º – Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso), 1min42s056

11º – Jolyon Palmer (ING/Renault), 1min42s107

12º – Sergio Pérez (MEX/Force India), 1min42s246

13º – Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso), 1min42s338

14º – Esteban Ocon (FRA/Force India), 1min42s760

15º – Romain Grosjean (FRA/Haas), 1min43s883

16º – Kevin Magnussen (DIN/Haas), 1min43s756

17º – Felipe Massa (BRA/Williams), 1min44s014

18º – Lance Stroll (CAN/Williams), 1min44s728

19º – Pascal Wehrlein (ALE/Sauber), 1min45s059

20º – Marcus Ericsson (SUE/Sauber), 1min45s570

Loading...
Revisa el siguiente artículo