Novo boletim médico aponta melhora no estado de saúde de Pelé

Por Carolina Santos
Pelé deu entrada no hospital na última segunda-feira | Tyrone Siu/Files/Reuters Pelé deu entrada no hospital na última segunda-feira | Tyrone Siu/Files/Reuters

Melhorou a condição clínica de Pelé, internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, de acordo com boletim divulgado na manhã desta sexta-feira. O Rei do Futebol, porém, segue recebendo cuidados na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital.

Segundo o boletim, Pelé segue em “tratamento temporário de suporte renal (hemodiafiltração veno-venosa contínua), lúcido, em ventilação espontânea, sem necessidade de drogas vaso-ativas ou outras terapias de suporte”.

Na noite dessa quinta-feira, o Atleta do Século já havia recorrido às redes sociais para mandar um recado aos seus fãs. Ele postou uma mensagem em inglês dizendo que seu estado “não é nada sério” e explicando que foi transferido para um quarto especial por questão de “privacidade”.

O ex-jogador deu entrada no hospital na última segunda-feira, por conta de uma infecção urinária.

Confira o último boletim médico de Pelé:

BOLETIM MÉDICO

São Paulo, 28 de novembro de 2014, 9h

O Hospital Israelita Albert Einstein informa que o paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) está melhor de sua condição clínica e segue sob cuidados na unidade de terapia intensiva. Continua em tratamento temporário de suporte renal (hemodiafiltração veno-venosa contínua), lúcido, em ventilação espontânea, sem necessidade de drogas vaso-ativas ou outras terapias de suporte.

O Hospital fornecerá boletim assim que houver nova informação.

Médicos Responsáveis:
Dr. Fabio Nasri
Dr. Marcelo Costa Batista

Diretor Superintendente do Hospital:
Dr. Miguel Cendoroglo Neto

Especialista diz que estado de Pelé é grave

O presidente da Sociedade de Nefrologia do Estado de São Paulo, Dr. Osvaldo Merege Vieira Neto, analisou o estado de saúde do ex-jogador, Pelé, e explicou por que o quadro do Rei do Futebol se agravou nos últimos dias.

“Sempre quando um quadro de infecção chega a hemodiálise, o estado de saúde é grave”, disse em entrevista ao programa Esporte Notícia, da Rádio Bandeirantes.

Internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Israelista Albert Einstein, em São Paulo, um boletim médico divulgado nesta sexta-feira indicou que houve melhora na condição clínica do ex-atleta.

“Pelo que estou vendo o pessoal entrou com um antibiótico mais pesado e parece que o Pelé já teve uma melhora”, continuou.

“O Pelé é muito forte, é o ‘Atleta do Século’, nunca teve problema algum de saúde. A impressão é de que ele vai se recuperar bem. Assim que melhorar a infecção, o rim volta a funcionar e não vai precisar de hemodiálise. Mas que o caso é grave, não há dúvida”, completou o médico.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo