Torcedor palmeirense morre depois de briga na Anchieta

Por Nadia
A pista expressa da via Anchieta continua bloqueada no quilômetro 18, sentido São Paulo | Mauricio/SulAmérica Trânsito A pista expressa da via Anchieta foi bloqueada no quilômetro 18, sentido São Paulo | Mauricio/SulAmérica Trânsito

Torcedor do Palmeiras morreu durante confronto entre palmeirenses e santistas, ocorrido neste domingo na Rodovia Anchieta, em São Bernardo do Campo, causou a morte de um dos envolvidos na confusão.

A briga aconteceu por volta das 12h30 deste domingo, no quilometro 18 sentido São Paulo da rodovia.

A torcida do Santos, que se dirigia a São Paulo para acompanhar o clássico contra o Palmeiras no Pacaembu, estava subindo a serra em um ônibus sem escolta policial, sendo acompanhado por dois carros. Ao chegar à região do KM 17,5 da Rodovia Anchieta, se deparou com um grupo de 80 palmeirenses, supostamente integrantes de uma torcida organizada, que estava no canteiro central aguardando a passagem do coletivo. Os palmeirenses então abordaram o veículo, gerando uma reação por parte da torcida da Baixada, o que resultou em uma luta corporal com paus, pedras e rojões.

Três torcedores palmeirenses se jogaram na frente de um dos veículos que acompanhava o ônibus e foram atropelados. Segundo a Polícia Rodoviária, o helicóptero Águia da Polícia Militar fez o resgate de um ferido para o Hospital das Clinicas, em São Paulo. Os outros dois torcedores foram conduzidos ao Hospital Geral de São Bernardo e um deles morreu a caminho do pronto socorro. O outro está em estado grave.

O incidente deixou bloqueado o trecho entre os quilômetros 20 e 18 da rodovia por duas horas, das 12h30 às 14h30. Durante o bloqueio, os motoristas que seguiam rumo à capital paulista foram desviados para a pista lateral no quilômetro 19, na região da Chácara Inglesa.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo