Luis Fabiano vai ser punido exemplarmente, diz dirigente do São Paulo

Por Tercio Braga

Carlos Miguel Aidar, presidente do São Paulo, confirmou que Luis Fabiano vai ser penalizado pela expulsão na vitória diante do Huachipato, terça-feira, no Morumbi, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

“O Luis Fabiano vai ser multado em 30% do seu salário”, disse o mandatário Tricolor, em entrevista ao Portal da Band. Como o jogador recebe R$ 550 mil mensais, vai ter que desembolsar R$ 165 mil.

Que o jogador seria punido, o vice-presidente de futebol do clube, Ataíde Gil Guerreiro, já havia confirmado a informação anteriormente anunciando que seria uma “punição exemplar”.

Carlos Miguel Aidar não pretende conversar com o jogador. “O gerente de futebol é quem vai conversar com ele”, destacou.

Além de ser multado, o atacante vai ter um acompanhamento de uma psicóloga. “Temos a psicóloga Anahy, que trabalha com o elenco. Ela vai fazer um trabalho mais direcionado com ele”, confirmou.

Luis Fabiano está fora da partida de volta, marcada para semana que vem, fora de casa, assim como diante do Grêmio, neste sábado, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, já que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo