‘Não sou mais uma promessa’, diz ala/pivô Damiris Dantas

Por Tercio Braga
Damiris é um dos principais talentos do Brasil | Divulgação/CBB Damiris é um dos principais talentos do Brasil | Divulgação/CBB

A Seleção Brasileira feminina de basquete estreia no Mundial no sábado, às 15h15, contra a República Tcheca, e uma das maiores esperanças do time tem 21 anos e 1,93m: é a ala/pivô Damiris Dantas, que neste ano foi titular do Minnesota Lynx, um dos times mais importantes da WNBA, a liga feminina de basquete dos EUA.

“Tenho treinado e jogado com as melhores atletas do mundo nos clubes e na Seleção Brasileira. Além disso, tenho me dedicado 100% aos treinos e estudado os adversários nos momentos de descanso para me tornar uma atleta melhor. É claro que tenho muito a evoluir e aprender ainda, mas hoje não sou mais uma promessa, sou uma realidade”, declarou a paulista, em entrevista ao site da CBB (Confederação Brasileira de Basquete).

Comandadas pelo técnico Luiz Carlos Zanon, as meninas do Brasil seguem treinando na Turquia.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo