Cruzeiro bate o Goiás e leva "título" do primeiro turno

Por Carolina Santos
Marcelo Moreno, do Cruzeiro, comemora o seu gol | Ricardo Botelho/Brazil Photo Press/Folhapress Marcelo Moreno, do Cruzeiro, comemora o seu gol | Ricardo Botelho/Brazil Photo Press/Folhapress

O Cruzeiro derrotou o Goiás fora de casa e garantiu o título simbólico do primeiro turno do Brasileirão. Jogando no Serra Dourada, a equipe celeste venceu por 1 a 0, com gol de Marcelo Moreno, no encerramento da 17ª rodada. O time goiano teve a chance de empatar aos 48 do segundo tempo, mas David desperdiçou cobrança de pênalti.

Com mais uma vitória, a 12ª no campeonato, o time mineiro chegou aos 39 pontos e abriu sete de vantagem para o vice-líder, que agora é o São Paulo. Já o Goiás aparece na 13ª posição com 20 pontos e acumula cinco derrotas seguidas. Veja aqui os lances do confronto e as estatísticas.

O Cruzeiro controlou a posse de bola na etapa inicial e foi premiado aos 24 minutos. Éverton Ribeiro lançou Marcelo Moreno, que invadiu a área e bateu cruzado no canto direito de Renan para marcar seu sétimo gol no campeonato e abrir o placar.

O boliviano quase fez o segundo antes do intervalo, aos 40, mas a cabeçada parou na defesa do goleiro do Goiás.

No segundo tempo, o Cruzeiro teve chances de ampliar o marcador com Dagoberto e Everton Ribeiro, que erraram o alvo. A primeira boa oportunidade do Goiás foi aos 33, em cobrança de falta de David que Fábio espalmou para a linha de fundo.

Aos 39, Fábio voltou a aparecer após boa jogada de Eric, que bateu forte e exigiu mais uma ótima defesa do goleiro.

Após esboçar uma pressão, o Goiás foi recompensado nos acréscimos quando o árbitro marcou pênalti de Dedé em Esquerdinha. Na cobrança, David mandou pra fora e desperdiçou a oportunidade de encerrar a sequência de derrotas.

No próximo sábado, às 18h30, o Cruzeiro volta a campo pelo Brasileirão e encara a Chapecoense no Mineirão. Já o Goiás recebe o Atlético/PR no domingo, também às 18h30.

No entanto, as duas equipes também têm compromisso no meio de semana. A Raposa recebe o Santa Rita-AL pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, na quarta, enquanto o Goiás visita o Fluminense pela Copa Sul-Americana, na quinta.

Atlético-PR e Bahia ficam no empate sem gols

Atlético-PR e Bahia se encontram na Arena da Baixada para melhorar o retrospecto dos últimos jogos, as duas equipes não vencem há três jogos no Campeonato Brasileiro. Em um estádio vazio por conta de uma punição ao Furacão, o 0 a 0 foi ruim para todos.

O Furacão até que começou bem a partida, pressionando a saída de bola do Bahia, que insistia na ligação direta, mas no primeiro tempo todo não houve uma grande chance de gol.

O segundo tempo seguiu na mesma maneira. O Bahia fechado atrás sem nem tentar incomodar o adversário, enquanto o Atlético-PR esbarrava nos próprios erros de criação.

Aos 22 minutos a primeira chance de gol. O Bahia chegou com perigo ao ataque com Diego Macedo. Ele começou a jogada e acabou ficando com a sobra e chutando de longe. Weverton fez boa defesa.

Aos 29 minutos o Furacão respondeu. Livre na pequena área, Douglas Coutinho acabou cabeceando muito mal e a bola subiu sobre o gol de Marcelo Lomba. O Atlético ainda tevbe mais uma boa chance com Bruno Mendes, mas foi só.

Com o resultado, o Atlético-PR segue se afastando do G4. Agora está em 9º, com 24 pontos. O Bahia segue na zona de rebaixamento, na 18ª posição com apenas 16 pontos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo