No jogo 400 de Muricy, São Paulo ganha a primeira fora de casa

Por Tercio Braga
Jogadores do São Paulo comemoram o gol de Luís Henrique (oculto) | Magnusson/Fotoarena/Folhapress Jogadores do São Paulo comemoram o gol de Luís Henrique (oculto) | Magnusson/Fotoarena/Folhapress

Cinco. Este foi o número de jogos que o São Paulo precisou para conquistar a primeira vitória fora de casa no ano. Nesta quarta-feira, o Tricolor superou o XV de Piracicaba por 3 a 1, de virada, no estádio Barão de Serra Negra, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Paulista.

Leia também
• Corinthians vence e volta a sonhar com a classificação no Paulistão

Após sair atrás no marcador, com gol de Jonathan Cafu, o Tricolor empatou com Luis Ricardo. No entanto, a virada só aconteceu quando Paulo Henrique Ganso entrou, no segundo tempo, e conduziu o time à vitória. Luis Fabiano recebeu a assistência do camisa 10 para o primeiro gol e, em jogada parecida, sofreu pênalti convertido por Pabón.

Assim, o São Paulo salvou a comemoração pelos 400 jogos de Muricy Ramalho à frente da equipe.

Com o resultado, o São Paulo foi a 18 pontos no Grupo A, empatado com o líder Penapolense, que ainda não atuou na rodada. Já o XV de Piracicaba amarga a lanterna do Grupo B, com 11 pontos, mas ainda longe dos quatro últimos do Paulistão.

Na partida, o XV de Piracicaba abriu o placar logo aos 2 minutos de jogo, em um escanteio. Danilinho cobrou pelo lado esquerdo, a bola atravessou a área e encontrou Cafu, que dominou e chutou por baixo de Rogério Ceni.

O clube do Morumbi buscou o empate dez minutos depois, quando Osvaldo fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Luis Ricardo finalizar para as redes. Com o gol, o time passou a errar menos, mas pouco criou no primeiro tempo para virar o jogo.

Já na segunda etapa, Muricy Ramalho decidiu colocar Paulo Henrique Ganso no lugar de Luis Ricardo, aos 15, e o panorama mudou completamente. Aos 24, o camisa 10 colocou Luis Fabiano na cara do gol e o centroavante não perdoou: 2 a 1 para o São Paulo.

Mais solto em campo do que nas últimas atuações, Ganso encontrou novamente Luis Fabiano dentro da área, aos 40. O camisa 9 se enrolou com o zagueiro e a arbitragem anotou pênalti. Na cobrança, Pabón chutou firme no canto esquerdo, marcou seu primeiro gol pelo clube, e selou a vitória.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo