Jaqueline Mourão fica em 76º no biatlo individual

Por george.ferreira

A brasileira Jaqueline Mourão encerrou sua terceira participação em Jogos Olímpicos de Inverno com uma classificação bastante modesta no biatlo individual. Ela terminou a disputa dos 15km na 76ª posição.

A mineira abusou nos erros durante os tiros e acabou sendo penalizada com a perda de sete minutos, número de disparos que ela não acertou. Ao todo, foram 4 erros nos disparos que fez deitada e outros 3 em pé. Nenhuma outra competidora errou mais.

Ela terminou com o tempo total de 57min22s6, ficando a frente apenas da chinesa Na Song e da australiana Lucy Glanville. Outras quatro competidoras não terminaram o trajeto, e duas nem largaram.

O ouro ficou com a bielorrussa Darya Domracheva, que já havia conquistado o título na perseguição de 10km. Nos 15km, a atleta de 27 anos teve apenas uma penalidade e fechou a prova em 43min19s6.

A suíça Selina Gasparin não errou nenhum título, mas foi mais lenta que Domracheva e ficou com a prata. O bronze foi para outra atleta da Bielorrúsia, Nadezhda Skardino. Quem decepcionou foi a favorita Tora Berger, da Noruega, que ficou apenas na 16ª posição, com três penalidades. Ela defendia o título nos 15km após conquistar o ouro em Vancouver.

Já Jaqueline Mourão deixa Sochi com posições abaixo nas 60 melhores nas três provas que disputou (sprint 7,5km e individual 15km no biatlo e sprint livre no cross-country) mas fez história na Rússia, se tornando a primeira brasileira a competir em duas modalidades diferentes em Olimpíadas de Inverno, além de disputar Jogos Olímpicos (verão e inverno) em três modalidades distintas (biatlo, cross-country e mountain bike).

Confira os instantes finais da prova dos 15km:


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo