Eusébio morre aos 71 de parada cardiorrespiratória

Por BAND
Eusébio, considerado o melhor jogador de Portugal na história, em foto de 2008 | Denis Balibouse/Arquivo/Reuters Eusébio, considerado o melhor jogador de Portugal na história, em foto de 2008 | Denis Balibouse/Arquivo/Reuters

Morreu na madrugada deste domingo o ex-jogador português Eusébio, aos 71 anos. O craque nascido em Moçambique, que ainda era uma colônia portuguesa, sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

Eusébio sempre será lembrado pelos portugueses como o grande responsável pela campanha que levou a seleção do país ao terceiro lugar da Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra, quando foi o artilheiro do torneio e ajudou a eliminar o Brasil ainda na primeira fase.

Segundo o jornal português Record, o “Pantera Negra” morreu em Lisboa, às 4h30 da manhã locais (2h30 de Brasília).

O ídolo de Portugal já vinha dando sinais de saúde debilitada, tendo sido internado no último mês de junho por conta de um acidente vascular cerebral (AVC) que sofreu na Polônia, quando acompanhava a seleção portuguesa na Eurocopa.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo