Escalação irregular pode rebaixar a Portuguesa e salvar o Flu

Por Tercio Braga
Héverton atuou contra o Grêmio, apesar de estar suspenso pelo STJD, na última rodada do Brasileirão | Divulgação Héverton atuou contra o Grêmio, apesar de estar suspenso pelo STJD, na última rodada do Brasileirão | Divulgação

O Campeonato Brasileiro já acabou, mas uma reviravolta pode mudar o destino de Fluminense e Portuguesa. Na última rodada da competição, a Lusa encarou o Grêmio no Canindé e teria escalado o meia Héverton de maneira irregular. De acordo com o regulamento, o clube paulista pode perder quatro pontos, ocupando a zona de rebaixamento e livrando o Tricolor das Laranjeiras da Série B.

“Soubemos nesta terça através de um telefonema da CBF, que existe essa irregularidade. Já estamos analisando e, amanhã (quarta), iremos elaborar uma denúncia. Se confirmado o erro, a Portuguesa pode sim perder estes pontos. Vamos analisar o caso”, explicou o procurador-geral do STJD, Paulo Schmitt.

Héverton foi expulso contra o Bahia na 36ª rodada e cumpriu suspensão automática na partida seguinte, diante da Ponte Preta. O jogador estaria liberado para encarar o Grêmio na última rodada, porém, um julgamento realizado na sexta-feira pela 4ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), puniu o jogador com dois jogos de suspensão, impedindo a participação no duelo contra o Tricolor Gaúcho.

O jogador foi relacionado para a partida e entrou aos 32 minutos do segundo tempo. A punição ao clube seria a perda de quatro pontos (três + o número de pontos conquistado no jogo, que terminou 0 a 0), cenário que rebaixaria a Lusa com 44 pontos e salvaria o Fluminense. Nesta quarta-feira, o STJD deve informar a CBF sobre o caso.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo