Pato não volta com a delegação do Corinthians para São Paulo

Por Tercio Braga
Pato é consolado por Gil, Alessandro e Ralf após perder o último pênalti contra o Grêmio | Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians Pato é consolado por Gil, Alessandro e Ralf após perder o último pênalti contra o Grêmio | Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Após perder pênalti que causou a eliminação do Corinthians na Copa do Brasil, Alexandre Pato não vai voltar para São Paulo com a delegação. O atacante alegou um compromisso jurídico para ficar em Porto Alegre.

Veja também
Pato justifica sua cavadinha no pênalti: ‘treinei assim’

Os corintianos têm previsão da volta para às 16h, desta quinta-feira no aeroporto de Congonhas e a Polícia Militar deverá escoltar o elenco.

E a torcida alvinegra escolheu o atacante como vilão, o criticando nas redes sociais.

Pato deve voltar aos trabalhos com os colegas nesta sexta, no CT Joaquim Grava.

Dida encaixa cobrança de Pato | Jefferson Bernardes/Divulgação Dida encaixa cobrança de Pato | Jefferson Bernardes/Divulgação

Hoje, o Corinthians é o 12º colocado do Campeonato Brasileiro, com 40 pontos. Neste domingo, enfrenta o Santos no clássico que vai acontecer no estádio Fonte Luminosa, em Araraquara.

Protestos

Os torcedores ficaram revoltados com a eliminação do Corinthians na Copa do Brasil, e depois de Alexandre Pato perder o pênalti contra o Grêmio, na madrugada desta quinta-feira picharam o muro do Parque São Jorge, onde fica localizada a sede do clube.

“Acobou a Paz”, estava escrito em um muro localizada na Rua São Jorge, 777, com um erro de grafia. O certo é: “Acabou a paz”.

Por volta das 2h30 da madrugada, alguns corintianos ficaram concentrados em um posto de gasolina em frente ao clube, mas não causavam nenhum tipo de confusão.

A Polícia Militar foi chamada para evitar maiores confusões, mas nenhuma ocorrência foi registrada.

Neste domingo, a crise corintiana pode aumentar ainda, uma vez que o time enfrenta o Santos, no estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara.

[poll id=”85″]

Loading...
Revisa el siguiente artículo