Ponte Preta perde, mas avança na Copa Sul-Americana

Por Tercio Braga

Foi do jeito que o torcedor da Ponte gosta: com muito sofrimento. A Macaca teve a pressão do Deportivo Pasto os 90 minutos, mas, apesar da derrota por 1 a 0, e de sair atrás logo no começo da etapa final, a equipe comandada por Jorginho conseguiu trazer para Campinas uma vaga nas quartas-de-final da Copa Sul-Americana e enfrentará os argentinos do Vélez Sarsfield.

O primeiro tempo mostrou o Deportivo Pasto com maior posse de bola e empurrando a Ponte Preta para o campo de defesa. Bem postados, os campineiros não tiveram muitos problemas na primeira etapa. O time da casa chegava pelos lados do campo, mas sem tanta efetividade. A grande chance saiu em uma pancada de fora da área que acertou a trave do goleiro Roberto. A Macaca tentou em poucos contra-ataques, mas não foi certeira.

No segundo tempo, logo aos sete minutos, o atacante Mina, do Pasto, recebeu dentro da área e encontrou o canto rasteiro de Roberto para fazer e dar calafrios nos torcedores pontepretanos.

A partir daí foi pressão o tempo todo. Em uma confusão na área, a bola acertou novamente a trave de Roberto, para a sorte da Macaca.

Cansada, a Ponte se postou na defesa e esperou o adversário. Teve dificuldades, mas garantiu a vaga para enfrentar o Vélez na próxima fase.

Loading...
Revisa el siguiente artículo