Corinthians foi o brasileiro mais eficiente em 2012, diz estudo

Por Tercio Braga
Corintianos comemoram o título do Mundial de Clubes de 2012 | Kaz Photography/Getty Images Corintianos comemoram o título do Mundial de Clubes de 2012 | Kaz Photography/Getty Images

O Corinthians foi o clube com a melhor relação custo/benefício da temporada 2012, segundo estudo da Pluri Consultoria divulgado nesta terça-feira. Pelo levantamento, que compara os gastos no futebol com os títulos, o Timão alcançou 1,74 no que a empresa chama de IPEG (Índice Pluri de Eficiência na Gestão fo Futebol), com despesas de R$ 233 milhões e 405 pontos no ranking de conquistas elaborado pela consultoria.

Pesaram no resultado as conquistas da Libertadores e do Mundial de Clubes. Em 2011, quando ganhou o Brasileiro, o Corinthians havia ficado em sexto no ranking.

Já o Vasco, líder em 2011 com o título da Copa do Brasil, o vice do Brasileirão e o terceiro lugar da Sul-Americana com um orçamento de R$ 80 milhões, despencou para a 13ª colocação, com 0,27 de índice. Em 2012, o Gigante da Colina, com R$ 92 milhões em gastos, não faturou um título sequer, conseguindo apenas um quinto lugar no Brasileirão e a eliminação nas quartas de final da Libertadores.

O Coritiba, vice da Copa do Brasil, ficou em segundo, com 1,44 de índice, seguido do Santos, campeão paulista, com 1,41. Os dois clubes trocaram de posição em relação ao ano de 2011. O Goiás deu um salto no ranking, indo de 12º para o quarto lugar.

Vice do Brasileirão, o Atlético-MG ficou em quinto, após ser somente o 15º em 2011. O resultado mostra que os altos investimentos feitos pelo Galo durante anos começaram a dar resultado na temporada passada.

Já o campeão brasileiro de 2012 não pôde ter seu índice medido, já que, segundo a Pluri, não é possível medir os gastos do clube com o futebol, que tem parte das despesas a cargo da patrocinadora.

O São Paulo, campeão da Sul-Americana, ficou em sexto, seguido do Grêmio. Avaí, Palmeiras – que faturou a Copa do Brasil – e Atlético-PR completam o top 10.

Pluri Pluri
Loading...
Revisa el siguiente artículo