Ironias do futebol

Por fabiosaraiva

odir-cunhaO técnico Muricy Ramalho, que não queria ganhar menos do que 700 mil reais por mês no Santos, aceitou 300 mil mensais para tentar tirar o São Paulo do rebaixamento. Enquanto isso, Claudinei Oliveira, com salário de 80 mil reais, faz um trabalho bem mais eficiente do que Muricy e leva o Santos a sonhar com a vaga para a Libertadores.

Com a saída de Neymar, Arouca passou a ser o jogador mais conceituado do Alvinegro Praiano, pois já tinha sido considerado o melhor da posição no País e até convocado para a Seleção Brasileira. Talvez por esse prestígio todo é que a renovação de seu contrato tenha sido tão trabalhosa. Enquanto isso, o Menino da Vila Alison teve a sua oportunidade e mostrou que pode ser tão ou mais eficiente do que Arouca. Por um salário bem menor.

Quanto perdeu de 8 a 0 para o Barcelona, o Santos foi escolhido pelos “especialistas” como um provável rebaixado no Campeonato Brasileiro. Hoje luta pelo G4 e é o time de melhor rendimento entre os paulistas.

Paulo Henrique disse que estava saindo do Santos para fazer história no Morumbi. Realmente. Este time do São Paulo entrou para a história como aquele que sofreu a maior série de derrotas da história do clube. Nesse episódio, Ganso imitou outro santista que seguiu o mesmo caminho e ficou conhecido como Rodrigo “Visibilidade” Souto.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo