Gaviões é proibida de entrar também nos estádios do Rio

Por Tercio Braga
Corintianos e vascaínos se enfrentam nas arquibancadas do Mané Garrinha | Reprodução/Band Corintianos e vascaínos se enfrentam nas arquibancadas do Mané Garrinha | Reprodução/Band

O Ministério Público do Rio de Janeiro decidiu acompanhar o ritmo de sanções da Federação Paulista de Futebol e suspendeu a Gaviões da Fiel, principal torcida organizada do Corinthians, dos estádios fluminenses por 90 dias. Assim, estão vetados integrantes, camisas, faixas, instrumentos e qualquer outra referência.

A medida foi impulsionada pela briga envolvendo corintianos e vascaínos no dia 25 de agosto, no Mané Garrincha, em Brasília, para onde a Gaviões também não poderá ir para os próximos dois anos.

A promotora Glícia Pessanha Viana Crispim também usou como argumentos o fato de a suspensão anterior aplicada à facção pela entidade paulista – encerrada em julho – também ter sido seguida no estado.

A aplicação da suspensão por outros estados foi uma recomendação feita pela Federação Paulista, entendendo que a medida precisava ser abrangente, já que os episódios de violência envolvendo a Gaviões têm sido recorrentes.

A briga no Mané Garrincha será tema do julgamento nesta quarta-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio. Vasco e Corinthians foram denunciados, podendo pagar multa e perder até dez mandos de campo. A procuradoria ainda solicitou que os clubes cumpram a pena com portões ao menos parcialmente fechados, só com a presença da torcida visitante.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo