Bolt retorna à pista para fazer história

Por Carolina Santos
Bolt posa com bandeira após vencer os 100 metros |Reuters Bolt posa com bandeira após vencer os 100 metros |Reuters

O velocista Usain Bolt está na semifinal dos 200m rasos no Mundial de Moscou. Atual bicampeão mundial da prova, o jamaicano segurou o ritmo nesta sexta-feira (16), mas conseguiu liderar a sétima bateria, marcando 20s66. Já os dois brasileiros que disputavam a eliminatória, Bruno de Barros e Ademir da Silva Júnior, não avançaram à próxima fase do torneio russo.

 

Com tempo de quase um segundo abaixo de sua melhor marca no ano (19s73), Bolt se poupou porque a vaga para a final será decidida ainda nesta sexta, às 12h40. Com o tempo, o corredor obteve a 21ª melhor posição no geral.

 

Classificaram-se na mesma bateria do jamaicano o britânico Delanno Williams (20s72) e o tobaguense Lalonde Gordon (20s85). Os três primeiros de cada etapa garantiam vaga na semifinal.

 

Por outro lado, Bruno de Barros foi o brasileiro com o melhor tempo, mas ficou apenas no quarto lugar da terceira sessão (20s60). Com isso, ele teve de esperar os outros resultados para saber se avançaria pelo tempo no geral, mas foi superado pelo polonês Karol Zalewski.

 

Ambos terminaram com o mesmo tempo, porém Zalewski levou vantagem no desempate por milésimos. Os outros dois que se classificaram pelo tempo geral foram o equatoriano Alex Quiñónez (20s47)e o grego Likoúrgos-Stéfanos Tsákonas (22s55).

 

Quem também cruzou a linha de chegada em quarto lugar foi Aldemir, com a marca de 20s73, mas ele foi eliminado. Ao todo, 24 atletas disputarão a prova desta tarde, sendo que apenas oito avançam à decisão.

Loading...
Revisa el siguiente artículo